AEB inaugura projeto de acolhida especial: CTA Liberdade

AEB inaugura projeto de acolhida especial: CTA Liberdade
22 de março de 2018 Ana Carolina Rocha Barbosa

A Associação Evangélica Beneficente aceitou o desafio para administrar um novo projeto de atendimento especial aos homens que vivem em situação de rua, o CTA (Centro de Acolhida Especial). Na tarde desta segunda-feira (19 de março) foi celebrada a inauguração do novo projeto da AEB

O convite é fruto da parceria e  constante confiança da Prefeitura de São Paulo com a AEB no serviço de atendimento à população que vive em situação de rua, através da manutenção de seus convênios nos projetos ATENDE III (inaugurado no ano passado) e Casa Porto Seguro.

Para o projeto, foram feitas 21 contratações até agora, sendo que 2 pessoas já eram da Casa Porto Seguro, incluindo o gestor Celio de Alberto Vasconcelos do Amorim. No  restante, são 12 orientadores socioeducativos, 1 técnico-assistente social, 1 técnico-pedagogo, 1 técnico-psicólogo, 1 assistente técnico e 5 agentes operacionais.

Na inauguração do projeto, estiveram presentes representantes da Prefeitura, entre eles o próprio Prefeito João Dória e o Secretário Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social Filipe Sabará. Também estiveram no dia, o Presidente da instituição AEB Sr. Edemar de Souza Amorim, o Diretor Cornélio Nogueira Martins, parceiros da entidade e alguns funcionários.

Antes de fazer a cerimônia de inauguração e descerramento da placa, o Prefeito fez alguns agradecimentos aos parceiros que contribuíram para a abertura do CTA, entre eles empresas privadas e a própria AEB. Até agora, 17 centros foram abertos.

“Em dez meses entregamos 17 equipamentos, o que é razão de orgulho para todos nós. Os CTAs não são apenas centros de acolhimento, são locais de transformação. As pessoas que vão para esses centros são recebidas, amparadas, preparadas para o mercado de trabalho e ganham uma vida digna”, disso o Prefeito João Dória

O projeto fica localizado na região do baixo Glicério, na Av. Prefeito Passos, nº 198 e irá atender 240 homens, com 190 vagas para pernoite e 50 para atividades durante o dia. Os atendimentos serão realizados para pessoas encaminhadas pelas unidades do CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) e CREAS (Centro de Referência Especializado de Assistência Social).